Categorias
Blog

Tecnologias exponenciais: o que são e como aplicar em seu negócio

As tecnologias exponenciais estão transformando a forma como as pessoas e as empresas interagem com o mundo.

Dentre elas, estão a inteligência artificial e a ciência de dados, e todas têm o potencial de mudar completamente os negócios nos próximos anos.

A ideia central de um crescimento exponencial da tecnologia é entregar produtos ou serviços melhores do que os vigentes, mas com menor custo de acesso.

Para compreendê-las, é importante conhecer a Lei de Moore, as vantagens e as tendências dessa tecnologia, e outros conceitos.

Você sabe, por exemplo, quais são os 6 DS das organizações exponenciais? Quais são as tecnologias exponenciais?

Nesse post, vamos explicar o que são essas tecnologias e como elas podem ser implementadas nas empresas.

Leia também:

O que são as tecnologias exponenciais?

As tecnologias exponenciais são aquelas caracterizadas pelo rápido desenvolvimento, que seguem uma curva de crescimento exponencial e dobram seu desempenho a cada determinado período de tempo, apresentando um potencial de transformação imenso na sociedade.

Em outras palavras, são tecnologias que evoluem de forma muito rápida e tornam as anteriores obsoletas, pois entregam uma proposta melhor, mais acessível e mais impactante na vida das pessoas.

Dois exemplos de tecnologias exponenciais nos ajudam a compreender melhor seu conceito.

A Netflix mudou o seu modelo de negócios para o streaming de vídeo e substituiu a locação de VHS e DVD. Ela criou um novo mercado e mudou por completo a relação dos consumidores com esses produtos.

Outro exemplo é a criação do computador pessoal, que tomou o lugar dos computadores que apresentavam baixa capacidade e ocupavam grandes salas. Com essa inovação, as empresas puderam melhorar suas estruturas de trabalho.

Vamos aprofundar no tema a partir do conhecimento sobre a Lei de Moore.

Tecnologia exponencial e Lei de Moore

tecnologias exponenciais no empreendedorismo e a lei de moore

A Lei de Moore, criada por Gordon E. Moore, cofundador da Intel Corporation, em 1965, é uma teoria que prevê um aumento de 100% no número de transistores em circuitos integrados a cada 18 meses ao mesmo custo.

E o que isso tem a ver com o crescimento exponencial da tecnologia? 

A teoria de Moore foi comprovada ao longo do tempo e usada para definir tecnologias que apresentam um crescimento de forma geométrica ao invés de linear. Portanto, elas se multiplicam gerando uma curva exponencial.

Imagine que sua empresa desenvolveu um aplicativo. No 1º mês, ele tinha 1.000 usuários, e no 2º mês 2.000 usuários, e assim por diante. É um crescimento linear, de 1.000 usuários por mês.

Porém, em porcentagem, seria um aumento de 100% no primeiro salto, 50% no segundo e 33% no terceiro.

Se ele seguisse uma curva exponencial, deveria apresentar 1.000 usuários no 1º mês, 3.000 usuários no 2º mês, 6.000 usuários no 3º mês, e assim por diante. 

Neste caso, o aumento seria de 100% por salto.

As tecnologias exponenciais no empreendedorismo são a confirmação da Lei de Moore, pois elas causam saltos evolutivos e aceleram o surgimento de soluções. 

Pensando nessa característica de escalabilidade, é necessário entender o modelo que explica o cerne dessas tecnologias. Você sabe quais são os 6 Ds das organizações exponenciais?

Os 6Ds da tecnologia exponencial

O 6Ds é um modelo que explica como identificar o crescimento exponencial da tecnologia e seus principais conceitos.

Ele foi criado por Peter Diamandis, fundador e presidente executivo da Singularity University, para identificar inovações com capacidade de crescer em saltos.

Confira a seguir quais são os 6Ds das organizações exponenciais!

1. Digitalização

A digitalização é o processo de transformar um dado analógico em um dado digital. Com a tecnologia, os dados podem ser armazenados, manipulados e compartilhados facilmente.

Dessa forma, a informação poderá se sujeitar à escalabilidade em diversos aspectos, coadunando com os princípios da Lei de Moore.

2. Decepção

Esse sentimento de tristeza e frustração que surge diante da perda de uma expectativa, nas tecnologias exponenciais, é gerada elas já apresentam características exponenciais, mas não é possível perceber seu avanço.

3. Disrupção

A disrupção acontece quando a relação entre tecnologia e inovação é intrínseca, e esta tecnologia substitui a existente por apresentar menor custo e maior efetividade.

Com isso, causa um abalo em um mercado já consolidado, como no caso da Netflix, da Uber, do Spotify e outros.

4. Desmonetização

A desmonetização é o processo de diminuição do preço de um produto graças à tecnologia. O usuário pode acessá-la a baixo custo ou de forma gratuita, como o Skype, quanto às chamadas de longa distância, e a Wikipedia, quanto às enciclopédias.

5. Desmaterialização

Um dos benefícios das tecnologias exponenciais é sua capacidade de diminuir a materialidade de um produto. Na prática, significa que ela consegue realizar a mesma função de um produto físico, mas utilizando menos materiais.

Por exemplo, as tecnologias LED e OLED substituíram as lâmpadas incandescentes, que utilizavam mais energia e produziam mais calor.

Os smartphones reúnem em um só dispositivo o telefone, o GPS, a lanterna, a câmera digital, o relógio e a carteira, telefone e tantas outras utilidades em um aparelho que cabe no bolso.

6. Democratização

Por fim, o último D do modelo de Diamandis é a democratização, que significa que pessoas de diversas condições sociais consigam acessar os benefícios das tecnologias exponenciais.

Mais uma vez, é o caso do smartphone, que apresenta modelos de diversos fornecedores e preços, sempre entregando as funcionalidades básicas.

Com os 6Ds em mente, o empresário consegue imaginar os benefícios das tecnologias exponenciais em seu negócio. Confira alguns deles.

Como as tecnologias exponenciais podem ser vantajosas para as empresas?

benefícios das tecnologias exponenciais para as empresas

As tecnologias exponenciais no empreendedorismo apresentam inúmeros benefícios, como aumento da produtividade, crescimento do faturamento e redução de custos.

Além desses aspectos, elas proporcionam flexibilidade, pois permitem que as empresas se adaptem às mudanças de mercado de forma ágil.

Por meio delas, também é possível monitorar o comportamento do cliente, bem como obter feedbacks em tempo real sobre sua satisfação com os produtos e serviços.

Além disso, elas facilitam a comunicação entre os colaboradores e a gestão das equipes, o que possibilita um melhor aproveitamento do tempo.

E, claro, essas tecnologias são uma grande oportunidade para as empresas inovarem e se destacarem em meio à concorrência.

Para entender os benefícios das tecnologias exponenciais no empreendedorismo, apresentamos três exemplos que contribuem diretamente para negócios bem-sucedidos:

Ciência de dados

A ciência de dados é uma tecnologia que se utiliza da análise dos dados, da estatística e de outros métodos para analisar fenômenos reais e obter insights sobre o negócio.

Dessa forma, é possível identificar falhas e oportunidades de melhoria, além de tomar decisões estratégicas com base em evidências, definir metas e identificar oportunidades.

A ciência de dados também permite acompanhar o mercado, os hábitos do consumidor e os concorrentes, tornando as empresas mais ágeis e competitivas.

Um bom exemplo prático pode ser visto em entrevista da McKinsey & Company realizada com seis líderes de grandes organizações.

Victor Nilson, vice-presidente sênior de big data da AT&T, explicou como sua empresa se tornou mais eficiente com uma estratégia orientada por dados.

Inteligência artificial

A inteligência artificial é outra tecnologia exponencial no empreendedorismo que apresenta muitos benefícios para as empresas.

Com softwares e máquinas desenvolvidos para se aproximar do pensamento humano, esta tecnologia tem a capacidade de analisar grandes volumes de dados, aprimorar processos e tomar decisões estratégicas.

Por isso, possibilita o aumento da produtividade, pois auxilia os colaboradores na execução de tarefas repetitivas.

Dentre suas aplicações práticas, são destacadas:

  • recomendação personalizada no e-commerce;
  • algoritmos de redes sociais e mecanismos de busca;
  • ferramentas para segmentação de público no marketing digital;
  • recomendação personalizada material audiovisual em plataformas de streaming.

Internet das Coisas (IoT)

A Internet das Coisas (IoT) consiste na conexão de objetos físicos à internet, o que possibilita o seu controle e monitoramento à distância.

Em outras palavras, é um conjunto de sensores, dispositivos e equipamentos inteligentes que conseguem coletar, guardar, processar e transferir dados por redes sem fio em tempo real.

Assistentes por voz, etiquetas para geolocalização e sistemas de automação residencial são exemplos de tecnologias exponenciais que trazem oportunidades de negócio em diversos segmentos econômicos.

Com elas, as empresas podem obter insights sobre os hábitos e comportamentos dos consumidores por meio da coleta de dados dos objetos conectados. 

A IoT também permite a automação de processos internos, o que reduz custos, aumenta a produtividade e a competitividade.

A partir desses exemplos de tecnologias exponenciais, o mercado já consegue vislumbrar algumas tendências para os próximos anos.

Tendências das tecnologias exponenciais

quais são as tendências das tecnologias exponenciais?

Uma nova análise do McKinsey Technology Council (McKinsey Technology Trends Outlook 2022) destaca o desenvolvimento, os possíveis usos e os efeitos da indústria das tecnologias avançadas.

Uma delas é a IA aplicada, que são modelos treinados em machine learning para resolver problemas de classificação, previsão e controle para automatizar atividades e tomar melhores decisões.

E quais são as tendências das tecnologias exponenciais?

Biologia sintética

A biologia sintética é a manipulação de organismos vivos para criar produtos e processos tecnológicos.

É uma área em franca expansão que está sendo aplicada em diversas áreas, como saúde, agricultura e tecnologia da informação.

Com a biologia sintética, é possível criar novos materiais, alimentos e medicamentos, além de melhorar o desempenho de produtos já existentes.

Por isso, é uma tecnologia exponencial com grande potencial de crescimento. Há grande expectativa de que ela contribua para o combate de doenças graves, como AIDS e câncer.

Manufatura aditiva

A manufatura aditiva é um processo tecnológico que usa impressoras 3D para criar objetos a partir de um modelo digital.

Ela permite a fabricação de produtos personalizados e em pequenas quantidades, o que possibilita seu crescimento de forma exponencial.

Além disso, é uma tecnologia que vem sendo aplicada em diversas áreas, como medicina, automobilismo e arquitetura.

Neurotecnologias

As neurotecnologias permitem a interface entre o cérebro e os dispositivos tecnológicos. Elas estão sendo desenvolvidas para tratar doenças neurológicas, para aumentar ou restaurar a função cerebral e para melhorar o desempenho cognitivo.

Alguns exemplos dessa tecnologia são os dispositivos implantáveis, as próteses neurais e as interfaces cerebrais. Com elas, é possível tratar doenças como Alzheimer, Parkinson e esclerose múltipla.

Além da aplicação na área da saúde, as neurotecnologias também têm aplicações na educação, no trabalho e nas relações interpessoais.

Essas são apenas algumas tendências de tecnologias exponenciais, que estão em constante evolução. A nanotecnologia também apresenta soluções inovadoras com essa característica, por exemplo.

Diante dos benefícios que elas trazem, o próximo passo é aprender como usar tecnologias exponenciais na empresa.

Como implementar tecnologias exponenciais?

tecnologias exponenciais: como implementar nas empresas?

O crescimento exponencial da tecnologia abre um leque de possibilidades de atuação empresarial no mercado. Com base na inovação, uma organização consegue pensar em novas formas de produzir e em novos modelos de negócio.

E como usar tecnologias exponenciais na empresa? É fundamental ter em mente os 6Ds, pois o uso está vinculado à digitalização do negócio, que deve se tornar escalável. 

Além disso, é importante evoluir para uma mentalidade digital antes de utilizar tecnologias que impulsionam o crescimento empresarial. Só então é que se pensa em ativos digitais, novos modelos operacionais de TI e outras questões.

Para tanto, é fundamental manter-se atualizado sobre as últimas tendências e aplicações. Outras ações também se fazem necessárias para aproveitar dos benefícios dessas soluções, como:

  1. Identificar áreas do negócio que podem se beneficiar dessas tecnologias;
  2. Experimentar diferentes soluções para encontrar opções adequadas para o momento em que a empresa se encontra;
  3. Integrar as tecnologias em seus processos de negócios.
  4. Monitorar o impacto no negócio e fazer os ajustes necessários.